Andando em obediência

♕ Promessa do dia:Mas os que vivem de acordo com a verdade procuram a luz, a fim de que possa ser visto claramente que as suas ações são feitas de acordo com a vontade de Deus” João 3:21

RL Áudio Alanna

Desde que mergulhei na presença de Deus, em buscá-Lo e clamar por Sua ajuda, pude experimentar Sua maravilhosa perfeição, me submeter ao meu MT (Marido Terreno) passou a ser até divertido, pois eu logo clamo ao Senhor e entrego a Ele a situação em que passo, e Ele toma as rédeas da nossa vida. Eu me submeto ao meu Deus e ao meu MT (Marido Terreno), e quanto mais faço isso, mais meu MT diz que me ama e que sou dele.

Eu passei a acreditar que, se Deus enviasse apenas uma palavra lá de cima, eu seria curada da depressão e das fortes dores no estômago e na cabeça, das náuseas, e mãos suando devido a ansiedade.

Tomei antidepressivos por 6 meses até conhecer ao Senhor verdadeiramente. Passei a ser dizimista e já não gastava mais 400,00 por mês em farmácia, devido a cura de todas as enfermidades que Deus operou em minha vida. Só Ele pode nos curar, apenas devemos falar e determinar esta cura em nome do Senhor, e que Ele faça a Sua vontade em nossa vida.

Tentei tomar os remédios para me livrar da dor emocional devido a minha infelicidade na vida sentimental, dúvidas e medos, e porque meus pais brigavam muito. Eram muitas dívidas e agressões verbais que eu queria fugir de tudo, os remédios me deixavam dopada, sonolenta, eu não ria mais, não saía mais, só trabalhava e ia levando a vida, até que uma amiga me apresentou o Senhor.

Eu passei a frequentar a igreja e a orar pela minha vida e de minha família, Deus agiu no mesmo instante. Quando cheguei em casa ainda fui tomar a medicação naquele dia, pois não entendia bem a palavra e pensava que por eu ser pecadora, Deus iria demorar para me curar completamente, então, quando tomei a medicação antidepressiva, não deu dez minutos e eu senti enjoo e vomitei todo o remédio. E dali em diante eu disse a Deus: “A partir de hoje estou curada, não tomarei mais medicação, e se eu sentir dor emocional e física, vou me ajoelhar e clamar ao Senhor por cura e o Senhor me curará. E assim foi.

Quando eu me lembrava da medicação a noite, com medo de não dormir, eu me ajoelhava e entregava minha noite a Deus, e também passei a não aceitar mais barulhos estranhos que me colocavam medo e me tiravam o sono dentro de casa de madrugada, passei a orar para que todo mal fosse repreendido e que eu estava nos braços do meu Amado Pai Celestial, e nenhum mal iria me ferir.

Ande em obediência à palavra, coloque para fora suas tristezas, dores e lágrimas, peça perdão por seus pecados, se for preciso todos os dias. Se você tem dúvidas de alguma situação, pergunte ao Senhor e espere Ele te guiar, busque e clame por Ele, ajude as outras pessoas, Ele te libertou de todo o peso e ataduras de iniquidade, tome posse.

Se algo está pesando em seu coração, ou até mesmo o medo do Senhor não lhe amar, ou que Ele esteja triste com você, fale isso a Ele, fale que você não pode perdê-Lo, se humilhe para Ele, peça a direção e a força para fazer o certo, busque a cura para seus problemas na raiz. O Senhor está com o coração voltado àqueles que são sinceros e humildes, que querem conhecê-Lo. Ele se revela de maneira grandiosa, não desista, busque-O.

Deixe que Ele alcance os recônditos mais profundos, Ele é o Nosso Remédio!

Deixe Ele invadir seu ser, no mais profundo, e limpar a dor e a sujeira do mundo, se entregue e se submeta a Ele, sem medidas, basta uma palavra Dele e a cura será liberada, a cura da alma e por seguinte do físico.

~ Alanna no Rio Grande do Sul

Nota do Ministério: Perguntas e Respostas sobre dízimo:

Erin, como você se tornou tão apaixonada e obcecada pelo dízimo?

“Eu me tornei fervorosa e obcecada com o dízimo devido ao fato de que, a certa altura da minha vida, eu perdi tudo que eu tinha, e em seguida recebi o DOBRO do que me havia sido tirado… Vivi experiências que me mudaram, então agora é extremamente fácil para mim não me importar mais com dinheiro ou bens pessoais. Aliás, isso me colocou na posição adequada para ter o coração certo… Ele voltou meu foco para VOCÊ. O que importa para mim agora é como o não dizimar afetará VOCÊ!”

E você tem alguma pergunta sobre o dízimo que nós possamos responder? Clique aqui.

Veja mais em https://encorajamento.org/tag/dizimo/